ITINERÁRIO DETALHADO:


  • Dia 1
    :
    Chegada a Quito.

Chegada ao Aeroporto Internacional de Quito. Será recebido no aeroporto e transferido para um hotel de localização central, perto de restaurantes, bares, artesanato e parques. Dependendo da sua hora de chegada, terá uma tarde livre para se instalar, adaptar-se à altitude desafiante, e começar a descobrir esta bela cidade.

  • Dia 2: Quito City Tour Quito – Meio do Mundo.

Após o pequeno-almoço, o nosso guia irá buscá-lo ao seu hotel para viajar em direcção à cidade velha de Quito. Iniciaremos o nosso passeio a pé na Plaza de la Independencia, a principal praça de Quito com o nome da Independência de Espanha. Esta é a localização de alguns dos principais edifícios administrativos do Equador, como o Palácio Presidencial, a Catedral Metropolitana, e o edifício Municipal. A visita continuará a visitar duas das igrejas mais significativas da zona colonial e o movimento artístico dos séculos XVII e XVIII conhecido como Escola de Quito (Escuela Quiteña); a igreja da Companhia de Jesus (La Compañía de Jesús) conhecida pela sua impressionante nave dourada, e a igreja de São Francisco onde visitaremos o templo e o seu impressionante convento que alberga o mais importante museu de arte religiosa do país.

Depois, continuaremos com o passeio a pé por vários dos bairros deste vibrante centro histórico. Estas áreas ainda mantêm aspectos tradicionais da vida quotidiana de quiteños. Passearemos pelo convento de Carmen Bajo, o chamado Arco da Rainha junto ao Museu da Cidade, a emblemática Rua La Ronda, a Igreja de Santo Domingo, a Rua Junín e o bairro de San Marcos. O passeio terminará na Rua Espejo onde os viajantes terão uma pausa para almoço e explorarão a área próxima por conta própria. Ao longo deste passeio poderá descobrir um sistema comercial fascinante de produtos artesanais e locais, e mesmo alguns mais peculiares.

À tarde, viajaremos em direcção ao Meio do Mundo, situado a 22 km a norte de Quito, na localidade do Equador. A posição da linha foi determinada no século XVIII pela Missão Geodésica Francesa com o apoio de geógrafos espanhóis e equatorianos. Visitará o museu etnográfico, o colossal Monumento ao Meio do Mundo, e para tirar fotografias divertidas enquanto pisa com um pé em cada hemisfério. No museu Intiñán, que se encontra nas proximidades, realizará uma série de experiências dinâmicas que validam a localização do Equador. Regresso ao hotel.

  • Dia 3: Parque Nacional de Cotopaxi.

Após o pequeno-almoço, rumaremos para sul pela auto-estrada Pan-Americana em direcção ao vulcão Cotopaxi. É o segundo pico mais alto do Equador, com 5.897 metros. O Cotopaxi é activo e facilmente reconhecido pela sua forma cónica coberta de neve. Está rodeado por uma bela vegetação das terras altas andinas.

A visita começa com o registo dos viajantes no ponto de entrada sul do Parque Nacional, depois, visitaremos o centro de interpretação para conhecer a fauna e flora da zona e aprender mais sobre o vulcão e a Cordilheira dos Andes. Após esta paragem, faremos uma caminhada de uma hora à volta da lagoa de Limpiopungo Este é um local ideal para admirar o majestoso vulcão e tirar belas fotografias se o tempo o permitir.

Opcionalmente, é também possível subir em direcção ao parque de estacionamento do refúgio da montanha Jose Rivas. A partir daí, pode-se subir 200 metros para chegar ao refúgio que fica mesmo abaixo da linha do glaciar e é utilizado como um basecamp pelos caminhantes que sobem até ao topo do vulcão. Ter em consideração, que o parque de estacionamento está localizado a 4.600 metros. Gostará de almoçar a observar o vulcão Cotopaxi, a partir do único hotel localizado no interior do Parque Nacional. No final do dia, iremos em direcção ao hotel, localizado a poucos quilómetros da entrada sul do parque.

  • Dia 4: Lago da cratera vulcânica de Quilotoa.

Partiremos do hotel de manhã cedo para chegar ao lago vulcânico de Quilotoa que se encontra nos Andes ocidentais a uma altitude de 3.900 metros. Este é um dos lugares mais belos e espectaculares do Equador que se destaca pelo seu ambiente natural que transmite serenidade, e pelas suas águas de cor verde e turquesa localizadas dentro de uma caldeira vulcânica extinta. É possível descer em direcção à costa para admirar as suas águas de perto. Este é um local perfeito para relaxar e desfrutar da tranquilidade da Mãe Natureza. A subida de volta é um excelente exercício, mas fisicamente exigente. Em alternativa, a comunidade aluga mulas aos viajantes que necessitam de assistência para chegar ao topo. Depois de visitar o lago, almoçará no restaurante gerido pela comunidade indígena que vive nesta zona.

A viagem a Quilotoa é uma viagem panorâmica e os viajantes visitarão também Pujilí, Zumbahua, e Tigua, que são imagens de cidades andinas tradicionais que ainda preservam as suas tradições e cultura. Aos sábados, realiza-se o mercado indígena Zumbahua, onde se pode admirar as cores e o dinamismo desta importante tradição. Tigua é particularmente conhecida por ser uma comunidade de artistas visuais que representam em pinturas coloridas o estilo de vida indígena do campo e da paisagem andina. Dirigir-se-á ao lado da cidade de Riobamba, uma das cidades mais antigas do Equador.

  • Dia 5: Complexo arqueológico de Ingapirca.

Continuamos a nossa viagem ao longo dos Andes para chegar ao complexo arqueológico de Ingapirca. Este é um belo exemplo do período pré-colombiano construído pelos Incas e Cañaris. Esta é a maior e mais bem preservada construção Incan do Equador.
No caminho, desfrutará de admirar as paisagens onduladas e os trajes coloridos utilizados pelos habitantes indígenas da zona. Ingapirca oferece-nos a possibilidade de descobrir a cultura Inca, as suas sofisticadas técnicas de construção, bem como de compreender a cosmovisão da cultura Cañari que teve origem nestes territórios e foi conquistada pelos Incas algumas décadas antes da Conquista Espanhola. Aqui, irá admirar através das ruínas dos templos o seu sistema de cálculo solar, e as tradições destas culturas pré-colombianas.

Durante a viagem, faremos pequenas paragens para visitar alguns dos locais mais proeminentes dos Andes centrais do Equador, tais como a igreja de La Balbanera, que é a primeira igreja católica construída no país em 1534. Pararemos também no deserto de Palmira, um local invulgar localizado acima dos 3.000 metros de altitude. No final do dia, mudar-nos-emos para o acolhedor hotel localizado muito perto do complexo arqueológico. Aqui desfrutaremos de um jantar tradicional preparado com produtos típicos das terras altas equatorianas.

  • Dia 6: Cuenca.

Neste dia iremos descobrir a bela cidade de Cuenca, declarada património mundial pela UNESCO em 1999. Visitaremos alguns dos lugares mais emblemáticos da cidade, como os quadros e o tradicional bairro de San Sebastián, o Museu de Arte Moderna, Parque Calderón (parque central), La Plaza de las Flores, La Catedral del Sagrario (Catedral Velha), Catedral da Imaculada Conceição (Catedral Nova) considerada a maior da América Latina. O passeio termina com uma visita a uma oficina de fabrico de chapéus de palha toquilla para aprender sobre o fabrico manual de alguns dos melhores chapéus do mundo. Tempo livre para almoço.

Após o almoço, continuaremos para uma visita às aldeias artesanais da região, como Gualaceo conhecido pelo seu artesanato de tecido artesanal, e Chordeleg com as suas jóias em ouro e prata. O hotel fica no centro da cidade, a poucos passos do parque central e do bairro Barranco, onde se pode encontrar uma variedade de bares e restaurantes.

  • Dia 7: Parque Nacional de Cajas – Guayaquil

Após o pequeno-almoço, chegaremos a Cuenca para chegar à cidade portuária de Guayaquil. A caminho da região da Costa, faremos uma paragem final nos Andes para visitar o Parque Nacional das Cajas. Este é um lugar extraordinário para caminhar rodeado por belos lagos. Dentro do parque, existem aproximadamente 240 lagos e lagoas e alberga espécies únicas de vegetação como os prados andinos e as florestas de polielepis. A viagem de 200 km entre as duas cidades é um passeio de carro cénico onde se irá experimentar uma súbita mudança de clima devido à mudança de altitude.

À chegada a Guayaquil, iremos directamente para o hotel Unipark que fica em frente da Catedral da cidade e do Parque dos Seminários, conhecido pelas iguanas verdes que a habitam. A poucos passos do hotel está localizado o calçadão da cidade, um local ideal para caminhar ao longo do rio Guayas. Guayaquil é uma cidade vibrante que oferece uma variedade gastronómica de frutos do mar em restaurantes de cozinha nacional e internacional.

  • Dia 8: Guayaquil.

Pequeno almoço no hotel. Neste dia, faremos uma visita guiada à segunda cidade mais importante do país. O passeio começa na Praça da Administração, onde se encontra o edifício neoclássico do Município. Continuaremos até à torre do relógio ao estilo mouro para explorar a Rua Simon Bolívar, um passeio de 3 km de comprimento. Um projecto de regeneração urbana começou em 1.997 para ligar a cidade e os seus cidadãos com o atributo natural mais importante da cidade, o rio Guayas. No monumento de La Rotonda conhecerá os processos libertários na América do Sul liderados por Simón Bolívar e José de San Martín. O passeio continua até ao bairro histórico de Las Peñas com as suas belas casas construídas em madeira. Da colina de Santa Ana desfrutaremos de uma vista panorâmica da cidade, do rio Guayas, e do cinturão verde dos manguezais. Após esta visita, irá apreciar a cozinha local num restaurante.

À tarde, visitaremos o Parque Histórico de Guayaquil para conhecer a natureza e a cultura da região da costa equatoriana, através de uma visita a este jardim botânico e jardim zoológico que tem fauna e flora nativa desta região, e muitas delas espécies ameaçadas e em perigo de extinção. O parque tem também uma secção cultural onde foram reconstruídas algumas das casas de madeira originais da velha Guayaquil, e que foram construídas durante o boom do cacau no país.

  • Dia 9: Voo de regresso.

Transferência do hotel para o aeroporto José Joaquín de Olmedo na cidade de Guayaquil para o seu voo internacional de regresso.

Equador natural

Estes itinerários são concebidos por viajantes para viajantes, para partilhar experiências autênticas que estimulam a aprendizagem e o intercâmbio entre culturas. Estamos empenhados na inovação constante e em medir o impacto das nossas acções para permitir às gerações futuras desfrutar do privilégio de viajar e descobrir.

Number of travellers

Please, indicate the number of travellers including childrens under 14 years

Date of the Trip

Number of Days

Type of Trip

Category of the hotels

Number of Rooms

Accommodation type

Estimated Budget

Additional Services

Additional Information of your trip

Total options:
Order total:
Carrinho de compras
Rolar para cima